Aquí tem 10, aliás sabemos que tem muitos mais e isso diminui a possibilidade de encontrar um complemento normal, deixando uma proporção de 7:1 como todos sabemos, pelo qual é muito provável terminar com algum deles.

1 – Menino de mamãe:

A sogra costuma ser uma coisa pior que uma bruxa, pois não tem a capacidade de sumir por arte de mágica. O menino ficou a vida toda entre seus braços, numa casa totalmente limpa, a roupa perfeita, as meias contadas, a barriga bem cheia, as cuecas passadas, sem que tivesse que trabalhar nem um pouco. Qualquer mina que tentasse se aproximar um pouco a sua casa, ou ligar e perguntar por ele, imediatamente integrará a lista de “pessoas a matar”. A namorada deverá assumir que serão criticadas todas suas atividades, tanto faz o que ele faça, será igual de ruim se faz academia ou se abandona, que cozinhe muito salgado ou sem sal, que trabalhe ou seja uma preguiçosa que não faz nada.

2 – Fanáticos dos carros:

Uma espécie cada vez mais numerosa como os ratos das ruas. Se uma decide ligar sua vontade com um desses fanáticos, tem que saber que qualquer piropo ou cantada que escute, será dirigida a um carro no qual investiu muito dinheiro que poderia ter sido aproveitado em saídas, cinema, roupa, perfumes para ela. Os sábados à noite não será o nosso momento, pois será o momento de levar a flamante namorada de 4 rodas para a sua exibição. Só apto para mulheres igual de fanáticas que seu par.

3 – Adictos:

Chatos, chatos. Segundo ao que seja adicto (álcool, droga, etc), vamos a estar expostos a diferentes situações (todas horríveis) e com o perigo permanente não só de perder a tranquilidade, mas também todo o nosso patrimônio. O adicto vive só para seu vício: depois de cada comida, antes de dormir e quando acorda, como quem escova os dentes. Se tem preferência pelas drogas… caralho! Será impossível esperar alguma coisa dele mais do que para falar horas e horas sobre filosofia barata ou tentar pular desde um edifício na Av Paulista. Os bêbados é tudo um caso aparte, são as 10 da manhã e eles já estão com um cheiro a fermentação de cachaça e o pior é que perto dos 45-50 anos eles já começam com hemorragias digestivas, gastrites, cirrose… Além de ser paciente, tem que ser enfermeira!

4 – Tarados:

Não estamos falando dos tarados normais, mas sim desses patológicos. Esse que assiste TV e já fica como louco e começa a gritar obscenidades com todas as mulheres que aparecem na tela, incluindo algum que outro travesti. O cara que grita que comeria a metade da humanidade. Esse que espera sair com uma, para perceber que todas as outras mulheres são gostosas e não dissimula. Aliás, se tem público como um casal de amigos, ou colegas de trabalho da esposa, se sente com mais motivação ainda. Se vão ficar com um cara desse tipo, ou tem uma autoestima muito alta e saber que como ele olha a outras, os outros te olham, ou deixá-lo com vergonha com um “Logo falamos isso com o sexólogo, mas até não terminar o tratamento para que cresça teu pinto, não vai ter nada de nada” na primeira oportunidade, para que não faça isso nunca mais.

5 – Irritados:

Esse tipo de caras que foram a 5 aulas de Jiu Jitsu e se acham o Bruce Lee. Frente à mais mínima provocação sobe o tom da voz e quer bater a qualquer um, seja onde for e quando for, terminando mais de uma festa apanhando de todo mundo num hospital ou delegacia da polícia e com o ódio de todas as pessoas que o convidaram por obrigação. Cada vez vai receber menos desses convites, nem seus irmãos gostarão de vê-lo. No bairro todos te odiarão porque teu marido xingou e ameaçou a todas as velhas que pediram ajuda para ele, aos meninos que pisaram a grama brincando, ou os cachorros que mijaram o jardim. Não vai ter amigos de lugar nenhum, seus filhos se deitarão sozinhos as 8:30 por medo ao seu pai psicopata.

6 – Depressivos:

No começo podem parecer do mais fofos e legais: “Não posso viver sem você”, “Preciso de você mais que nada”, “Você é o único bom que tenho na vida”. Olhem mulheres, na real essas palavras não são nada legais. Podem ser verdade LITERALMENTE, e perceber um dia que voltamos de uma viagem de trabalho e o cara não tomou banho, nem comeu porque não encontrou sentido a viver sem nós. Vira louco se encontra uma cartinha de um namoradinho que deixamos aos 13 anos e pede explicações como se tivesse nos encontrado traindo ele com seu próprio irmão. Nos pergunta o tempo todo onde estamos e com quem, se o seguimos amando (a cada 5 min) até que inevitavelmente uma prefere cruzar uma rodovia com os olhos fechados antes que voltar a atender o celular que ele mesmo nos comprou e só tem um número nos contatos. Podem virar perigosos se os deixamos: acosso, extorsão, ameaças de suicídio. Alguns deles deveriam levar uma carteirinha que diga “Não apto para relacionamentos”.

7 – Bohemios:

Pode ser um exagero. Mas neste caso refere-se aos homens que não gostam de trabalhar em escritórios, que sabem que nasceram para outra coisa, como artes plásticas, literatura, música, danças. Acham que um trabalho formal acabaria com seu espírito artístico, acabaria com suas próprias vidas. Não compreendem e acham gracinha quem trabalha 12hs seguidas por um salário mínimo. O típico caso do cara que tem uma banda de música pela qual vive e respira, tem ensaio praticamente todos os dias (perdão, as noites) até bem pela madrugada, o que ao dia seguinte o inabilita para o estudo, trabalho, família, etc, etc. Aos 39 anos você ainda segue na garagem de casa? Não vai dar certo! Tem que se ligar e dar um respiro a tua família! Capaz ganham mulheres quando são mais novos, mas é obvio que agora qualquer mulher sairia correndo. Tal vez fique se gosta de sofrer.

8 – Amigos do alheio:

Tá, tal vez não seja muito ruim ao começo se não tem nenhum tipo de respeito pela propriedade alheia. Mas depois chega a paranoia; com a instalação de alarmes pela casa toda, com as múltiplas contas em bancos a nome de qualquer conhecido com o qual depois vão ter brigas e logo as desilusões porque os que pareciam fiéis lhes roubaram ou cagaram, porque “Como tá o mundo meu Deus! Não dá para acreditar em ninguém, negros de merda que te roubam em qualquer lugar, nunca achei que o fulano ia me roubar desse jeito, com às vezes que roubamos juntos, desde crianças mesmo!” Se você vai virar a cúmplice de um ladrão, saiba que o dinheiro vai e volta, que ladrões como você tem em todos lados e que as revisões nas prisões são pelo reto também.

9 – Avarento:

Senhora: é muito importante que tenha seu próprio trabalho onde paguem o salário em conta poupança e jamais diga a senha, nem em caso de emergência. É desses caras que choram quando tem uma saída com outros casais, os que usam os sapatos velhos que deixou seu pai porque estava com vergonha de continuar usando-os do velhos que estavam, ou os que ficam chateados quando invitamos a algum amigo a jantar. Ele dirá “Para que você quer tantas camisas, calças, calcinhas, sapatos, roupa, remédios, se já comprou o ano passado”. Se a mulher tem trabalho, o cara esquecerá sempre a carteira ou nunca terá mais de R$20 no bolso, para usar sempre o dinheiro dela por qualquer eventualidade, como carregar nafta, pagar impostos, o taxi e até as camisinhas. Os presentes de aniversário serão coisas que ele gosta (Por ex TV de 60 polegadas), ou alguma coisa que poupe ele de compra-la depois (Por ex uma mangueira de 20m). São bem fáceis de distinguir num grupo desde crianças, não gostam de sair a comer, nem dançar, andam sempre com roupa velha, pedem moedas para o ônibus, sempre aparecem em tua casa na hora do almoço e pedem para o garçom envolver tudo o que sobrou, incluso o pão.

10 – Gays:

Esses caras são sempre bem nojentos, sempre bem vestidos e com bom perfume. Quando você fala para eles te escutam e respondem sinceramente sobre o que acham, ou que cale a boca se estão chateados de te ouvir falar, mas sempre de bom jeito. Te acompanham a olhar em lojas e colocam o ombro para chorar, te aconselham sobre penteados e maquiagem e dançando são bem legais. É muito provável que não assistam futebol aos domingos, nem se juntem a jogar bola nas terças e quintas e nunca arrotem ruidosamente após cada comida ou bebida que consomam, como também que não cuspam cada 2 minutos. Geralmente são bem cultos e tem uma boa relação com a sua mãe e a tua também. Gostam de colorir a sua casa e gostam de oferecer festas com comidas exóticas e drinques incríveis. Quando te olham, te olham aos olhos. Geralmente gostam de ir ao cinema a assistir filmes de todo tipo, até os alemães e os japoneses, e na saída comentar o que acharam, discutir os possíveis finais e como trabalharam os atores. Podem provar comidas novas e até jantar sem carne. Mas enfim, com essa maravilhosa complexidade e senso comum, obviamente como a gente, eles gostam de ficar com primates menos evolucionados! Que tristeza!

Escrito por…

Compartí, no seas paco